Acompanhe a eleição do Vasco clique aqui

Árbitro mais folclórico do futebol, Vascaíno fanático, vai virar filme

17/12/2017 às 16h00 - IMPRENSA
Foto: ESPNCabelada, Ex-árbitro de Futebol
Cabelada, Ex-árbitro de Futebol

A vida de Luiz Carlos Gonçalves, o Cabelada, um dos árbitros mais folclóricos da história do futebol carioca vai virar filme. O cineasta Leandro Araujo, lançou o projeto de financiamento coletivo para a produção do curta-metragem chamado "Todo juiz é ladrão, Cabelada não".

O documentário quer recordar as divertidas histórias do ex-juiz carioca.  Cabelada era conhecido pelo estilo de vida considerado extravagante por colegas de apito e profissionais da imprensa. 

Amante da vida noturna e do samba, não era raro vê-lo tomando algumas cervejas depois de jogos importantes na década de 1970 e 1980.

 Além disso, chamava a atenção pelo visual marcante e completamente inusitado: cabeleira avantajada, bigode grosso e barriga saliente.

Apesar de ser carismático fora das quatro linhas, Cabelada era polêmico em campo, sendo acusado de favorecer sempre os times grandes, especialmente o Flamengo, embora fosse um torcedor vascaíno fervoroso e declarado.

O árbitro comandou mais de 400 jogos profissionais durante a carreira. até se aposentar dos gramado, há mais de 20 anos.

Depois disso, ele foi morar em Búzios e tornou-se personagem das páginas e das capas do irreverente e anárquico “O Perú Molhado”.  No periódico, aliás, foi repórter esportivo, comentarista e modelo. 

Fonte: ESPN